segunda-feira, 22 de dezembro de 2014

Tem um resto de amor mal resolvido Perturbando meu sono a noite inteira.

Nosso amor para além da eternidade
Não durou dois verões e meio inverno.
Quando o céu transformou-se num inferno
No silêncio da nuvem de saudade...
Dediquei-me a zelar nossa amizade
No percurso da história interrompida
Construindo um Amor pra toda a vida
No terreno arenoso do seu peito....
"Meu castelo de sonhos foi desfeito
No momento da sua despedida."

Dei pra ela: romance e sentimento
Em um livro de amor que lhe escrevi
E apesar de ser pouco o que vali
Seu valor foi pra mim os 100%.
E "inda" há chagas abertas, no momento,
Duma história bonita e verdadeira
Foi gigante e hoje só resta uma beira
Do que houve em meu peito adormecido
"Tem um resto de amor mal resolvido
Perturbando meu sono a noite inteira."

Pedro Torres

sábado, 20 de dezembro de 2014

Desintoxicação

Preciso, desesperadamente,
De um verso doce de amor.
A frase certa que alivia
Que descansa a alma
E faz sentir de novo algo quente e cheiroso
Como uma xícara de café quente!

Não preciso de um verso-Deus
Que ressuscite nada!
Basta-me, apenas, a poesia...
Expirar esse gás carbônico
Que me seca a inspiração
E repousar meu espírito em um abraço

Único!

Pedro Torres