quinta-feira, 9 de janeiro de 2014

Mais estranho é querer beijar no rosto Quando a boca dos dois já se conhecem.

Sou teu fã, mas, também sou fã da vida
E acho lindo, no amor, quando dá voltas
Mas, não guardo rancor e nem revoltas
Só ao doce a minh'alma dá guarida...
E a lembrança do beijo está vencida
Que tem coisas que os corações esquecem
E tem outras que ficam, permanecem
Mas, não lembra se tem o mesmo gosto
"Mais estranho é querer beijar no rosto
Quando a boca dos dois já se conhecem."

Pedro Torres

Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Direito à Réplica Poética...