segunda-feira, 20 de janeiro de 2014

Eu não entendo a derrota De quem foge da batalha

Eu não entendo a derrota
De quem foge da batalha
Sem lutar contra a distância
Que fere feito navalha
Deixando atrás os pedaços
Que a dor saudade espalha.

Pedro Torres
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Direito à Réplica Poética...