domingo, 17 de novembro de 2013

Coração sem amor é como um rio Sem ter água no leito pra correr.

Admito não ter mais intenções
De remar ao sabor da correnteza
Sem cair nem um pingo de certeza
No afluente dos nossos corações.
Talvez seja um desejo, onde as razões
Sempre encalham no leito do prazer
Como barcos remando, mas sem ter
Condições de vencer o desafio
"Coração sem amor é como um rio
Sem ter água no leito pra correr."

Pedro Torres
Mote de Mariana Teles

Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Direito à Réplica Poética...