sexta-feira, 4 de outubro de 2013

Quando a flecha do amor, o alvo acerta Marca pontos de mais com o coração.

O flecheiro do amor tem pontaria
Mas, às vezes atira sem mirar
Mesmo assim, é difícil d'ele errar
Quando a dor da razão lhe contraria.
Que o veneno do amor nos contagia
E não deixa um espaço pra razão
Que até mesmo querendo dizer "NÃO"
Sai um "SIM" na saudade, quando aperta
"Quando a flecha do amor, o alvo acerta
Marca pontos de mais com o coração."

Pedro Torres

Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Direito à Réplica Poética...