quarta-feira, 21 de agosto de 2013

Saudade malassombrada Assim também é demais

Saudade, malassombrada,
Assim também é demais!
Tu já roubaste meu sono,
Perturbaste minha paz,
Porque tu não vais embora,
E some, pra nunca mais?...

Saudade é monstro marinho
Que não suporta barulho
Quando do sono desperta
Te espera dar um mergulho
Te arrasta pr'um mar de prantos
Depois te afoga no orgulho.

Pedro Torres
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Direito à Réplica Poética...