quinta-feira, 1 de agosto de 2013

Paixão crônica é um vírus resistente Que não tem tratamento imediato...

Ao provar do sabor desses seus lábios
Já fiquei com 40º de febre
Se era essa a intenção, então celebre
Que não acho uma cura em alfarrábios...
Passam dias, que dizem serem sábios
Mas, me infecto de novo no contato
Afetou-me por último no olfato
Que teu cheiro grudou na minha mente
"Paixão crônica é um vírus resistente
Que não tem tratamento imediato..."

Pedro Torres
Mote cantado pelos Nonatos
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Direito à Réplica Poética...