terça-feira, 6 de agosto de 2013

Nosso amor rabiscou ponto final Nos três pontos finais das reticências...

Feito "espumas ao vento", nosso amor
Foi varrido da face dessa terra
Por julgar os pecados de quem erra
Condenado sem ter um defensor....
E obrigado a provar do dissabor
De alguns longos períodos entre ausências
Duas almas negando-se às carências
De quem vive distante, e é natural
"Nosso amor escreveu ponto final
Nos três pontos finais das reticências..."

Pedro Torres

Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Direito à Réplica Poética...