sábado, 31 de agosto de 2013

Meu coração compartilha Contigo, a mesma centelha

Meu coração compartilha
Contigo, a mesma centelha
Até nas minhas palavras
Quando sangra, se assemelha
Falando das próprias dores
Gastando a tinta vermelha.

De vez em quando a saudade
Aperta forte de um jeito
Como se afrouxasse os laços
Da cicatriz, com defeito,
E arrebentassem os pontos
Do corte dentro do peito.

Pedro Torres

Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Direito à Réplica Poética...