segunda-feira, 29 de julho de 2013

O meu peito, calejado Amargurado e sofrido

O meu peito, calejado
Amargurado e sofrido
Prometeu não se entregar
Pra não dar "ouro a bandido"
Relutou a todo custo
Mas, no final foi perdido

Pedro Torres
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Direito à Réplica Poética...