quarta-feira, 10 de julho de 2013

Nosso peito pulsando sentimentos Com sabor de mil beijos hortelãs...

Cada parte de mim, apaixonada
Derramava palavra na poesia.
Nossa pele naquela noite fria
No calor da paixão, arrepiada.
Na pintura de amor à madrugada
Coloriam-se em nós lindas manhãs
De carícias que aquecem feito lãs
E nos mata depois em baques lentos
Nosso peito pulsando sentimentos
Com sabor de mil beijos hortelãs...

Pedro Torres
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Direito à Réplica Poética...